quarta-feira, 7 de novembro de 2018

Globo veta RPC de transmitir jogo da Sul-Americana

Atualizado em 08/11 às 13h55 —  Torcedores que acompanharam o futebol na noite da última quarta-feira (07), em especial do Atlético Paranaense e do Fluminense, estavam indignados com a decisão da Globo em não transmitir o jogo válido pela semifinal da Copa Sul-americana, na TV aberta. Inicialmente, foi anunciado que a emissora carioca iria passar o jogo ao vivo para algumas regiões, entre elas o Paraná. Mas desistiu de transmitir (inclusive para o Rio de Janeiro) e, segundo fontes da RPC, a Globo vetou a afiliada paranaense de realizar uma transmissão local, ou seja, apenas para a região de Curitiba ou para o estado do Paraná. "Nós tentamos, fomos vetados", informou a fonte ao Blog. 

Nas redes sociais, torcedores ficaram indignados. "Por que diabos a RPC não tá transmitindo o jogo do Atlético mano ?"(sic), perguntou um internauta. "Achei que a Globo ou pelo menos a RPC fosse transmitir o jogo, tinha muita gente reclamando aqui no twitter", tuitou outra. 

A decisão pelo veto da Globo fica mais estranha, pois a RPC transmitiu, localmente, os jogos de ida e volta do time paranaense contra o Bahia, nas quartas de final. No lugar do futebol, foi exibida a sessão "Cinema Especial".

O Blog SulBRTV entrou em contato com a comunicação da Globo. A emissora carioca afirmou que o jogo previsto para esta quarta-feira (08) era da final da Libertadores, caso algum time brasileiro se classificasse, o que não aconteceu. Porém não respondeu ao segundo questionamento: do porquê do veto da RPC em realizar a transmissão localmente. Segue a íntegra da nota abaixo:

"A transmissão prevista para esta quarta-feira era a final da Libertadores, mas como a partida não terá a participação de times brasileiros e foi transferida para sábado, a Globo optou por exibir o 'Cinema Especial". 

quinta-feira, 25 de outubro de 2018

Eleições: Último debate na TV vira entrevista em SC

O último debate entre os candidatos ao governo de Santa Catarina, previsto para acontecer logo mais às 22h na NSC TV, não será realizado. Um dos postulantes, o Comandante Moisés (PSL), está com infecção aguda das vias aéreas superiores, segundo sua assessoria. Com isso, de acordo com as regras do debate, será realizada uma entrevista com o outro candidato, Gelson Merísio (PSD), com 20 minutos de duração. 

A assessoria do candidato confirmou agora há pouco a ausência ao Grupo NSC. Pela tarde, o PSL já havia sinalizado sobre a possibilidade de ausência de Moisés. Veja a nota: 

"A assessoria do candidato ao Governo de Santa Catarina pelo Partido Social Liberal (PSL), Comandante Moisés 17, vem através desta, informar que o mesmo apresentou uma piora no quadro clínico, sendo atendido em domicílio por equipe médica, no final da manhã desta quinta-feira (25), que diagnosticou infecção aguda das vias aéreas superiores – CID 10 – J06. É importar salientar que, em virtude deste mesmo problema, na última quarta-feira (24), a agenda do postulante ao Governo do PSL, Comandante Moisés, já havia sido suspensa pelo candidato. Desta forma, a assessoria pontua que, o candidato de Bolsonaro em Santa Catarina passará por uma nova avaliação, às 19 horas, para saber se terá alta médica, bem como condições físicas, para participar das agendas dos três últimos dias de campanha, neste segundo turno. Gratos pela compreensão, aguardamos a evolução do quadro clínico do nosso Comandante contando com a torcida para sua breve recuperação." 

Com o debate transformado em entrevista, a NSC TV vai seguir com a programação nacional da TV Globo logo em seguida. Após a entrevista, será exibido "Os Melhores Anos das Nossas Vidas" e, na sequência, a sessão "Cinema Especial" em versão reduzida. O debate no Rio Grande do Sul está confirmado. No Paraná não há debate, pois a eleição foi definida no primeiro turno.

quinta-feira, 18 de outubro de 2018

Emissoras gaúchas e catarinenses formalizam debates eleitorais

O segundo turno eleitoral começou e, de acordo com os resultados das eleições, alguns estados brasileiros vão retornar às urnas para escolher seus candidatos a governador. Na Região Sul, apenas Rio Grande do Sul e Santa Catarina terão segundo turno. No Paraná, Ratinho Júnior (PSD) foi eleito com 59% dos votos.

Rio Grande do Sul

Band RS
A emissora é a primeira a realizar os debates eleitorais, ficando agendado para esta quinta-feira (18) às 22h35min.

Record TV RS
De acordo com o Coletiva.net, a emissora havia agendado o debate para o dia 22, porém ainda não há confirmação.

SBT RS
Também, de acordo com o Coletiva.net, a emissora havia agendado para dia 23, porém ouve-se a informação das coordenações de campanha, que há possibilidade de os candidatos não participarem aos debates, em razão do curto prazo de tempo para ambos se organizarem aos encontros.

RBS TV
A emissora é a última do quadro geral que realiza os debates com os candidatos. Respeitando o dia programado às afiliadas da Globo, a emissora gaúcha realizará o debate no dia 25, logo após a novela Segundo Sol.

Santa Catarina

SBT SC
A emissora promoveu o debate com os candidatos nesta segunda (15).

RICTV Record
A emissora agendou o debate para sexta-feira (19) a partir das 18h30min.

TV Catarina
A afiliada da Band em Santa Catarina, não informou sobre realização de debate eleitoral.

NSC TV
Conforme calendário da TV Globo, a emissora fará o debate na quinta-feira (25), logo após a novela Segundo Sol.

quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Rodrigo Morel deixa SBT e migra para a RBS TV

Passa a integrar a RBS TV o apresentador do SBT Esporte, Rodrigo Morel. De acordo com o portal Coletiva.net, o jornalista passará a ser editor de texto no Globo Esporte, atração local da afiliada da Globo no Rio Grande do Sul.

O jornalista, na filial da emissora de Silvio Santos no RS, já teve atuação na área de edição e, além do SBT, já desempenhou atividades em televisão na Fox News como produtor, bem como, nas rádios Guaíba, Grenal e Bandeirantes.

Em seu perfil no Instagram, Morel se despediu dos colegas, enalteceu seu trabalho na casa durante três anos e dois meses e homenageou o jornalista Ricardo Vidarte, apresentador e jornalista do SBT, falecido no início do ano, que era coordenador da área esportiva da emissora. Também, na mesma rede social, aproveitou para agradecer a parceria que teve com a jornalista Débora Oliveira.

No lugar de Marcelo, o SBT Esporte passa a ser comandado por Mateus Trindade.

sexta-feira, 5 de outubro de 2018

Venda da RBS pode estar definida; empresa nega

Atualizado em 6/10 às 11h20 — De acordo com o portal Making Of, o Grupo RBS acaba de definir sua venda. Fontes ligadas ao site garantiram que o valor já foi estabelecido e que a forma de pagamento está em seus detalhes finais. Não há ainda informações de nomes e valores. A negociação já está sob ciência da Rede Globo, emissora que possui a afiliação da RBS TV no Rio Grande do Sul, cabendo manifestar-se sobre os novos donos da rede.

O Grupo RBS, em Santa Catarina, já havia vendido suas operações para o Grupo NC em 2016. Segundo o portal, a divulgação do processo de venda se fará logo após as eleições.

RBS nega venda

Em entrevista ao portal Coletiva.net, o CEO de mídias do grupo, Claudio Toigo, afirma: "Posso assegurar que não há nada nesse sentido". A assessoria de imprensa também nega a informação sobre o processo de venda do Grupo RBS.

Ao portal Making Of, que publicou a informação sobre a definição da venda, o Grupo RBS enviou a seguinte declaração neste sábado (6): "Em relação à nota publicada no portal Making Of, o Grupo RBS informa que a empresa não foi vendida, ou seja, a informação divulgada não procede".