quarta-feira, 10 de abril de 2019

Mistério: Onde está Cacau Menezes?

No último dia 28 de março, quando iniciaria o seu tradicional comentário no "Jornal do Almoço" de Santa Catarina, o colunista Cacau Menezes não conseguiu dar prosseguimento ao quadro, pois, segundo o próprio, o teleprompter, equipamento acoplado à câmera que permite a leitura de texto, não estava funcionando. Desde então, Cacau não apareceu mais na tela da NSC TV.

Descontente com a situação, Menezes argumentou: "Não podemos apresentar então, deixa pra mais tarde ou pra amanhã então, porque telespectadores, porque o quadro [...] senhoras e senhores, isso é fantástico, o quadro sumiu, produzindo desde às nove horas da manhã [...]". 

Para contornar a situação embaraçosa, Laine Valgas, apresentadora do JA, afirmou que "a tecnologia é assim mesmo, num dia atrapalha e no outro ajuda". Porém, nem os próprios colegas da bancada  puderam cessar o "climão". Mário Motta também tentou ajudar o colega, porém sem sucesso. Cacau simplesmente saiu do estúdio e os apresentadores foram obrigados a chamar os comerciais. O quadro tem cerca de cinco minutos de duração.

Reveja a saia justa:



SulBRTV entrou em contato com Cacau Menezes; o mesmo informou, no último sábado (06),  que pretendia em breve se pronunciar acerca do caso. Até o momento, ele não se manifestou. O blog também entrou em contato com a assessoria de imprensa da NSC, na última sexta-feira (05), mas até a publicação deste texto não obteve retorno.

Claudio de Menezes, ou simplesmente Cacau Menezes, é o comunicador mais antigo em atividade da televisão catarinense. Iniciou na telinha na estreia do "Jornal do Almoço" em Santa Catarina, em 5 de novembro de 1979, meses após a então "TV Catarinense" entrar no ar em Florianópolis. Dono dos bordões como "Põe na tela, amarelo" (que virou quadro fixo no espaço destinado a ele no jornal), "Salve, salve simpatia! Pode crer, amizade! Boa tarde, comunidade!" e também de um estilo (sempre) despojado no ar, seu comentário é assistido nas regiões da Grande Florianópolis, sul do estado, planalto serrano e meio oeste catarinense.

Embora esteja afastado da TV, o colunista de 64 anos continua escrevendo normalmente no impresso "Diário Catarinense" e no portal "NSC Total", ambos do mesmo grupo que engloba a afiliada da TV Globo em Santa Catarina.

Foto: Divulgação NSC Total

sábado, 6 de abril de 2019

RBS TV: Jornal do Almoço entrará ao ar mais cedo

Foi confirmada neste sábado (6) a mudança de horário do Jornal do Almoço, jornalístico da RBS TV, exibido de segunda a sábado, no horário do meio-dia. 

A partir desta segunda-feira (8) o programa passa a entrar ao ar às 11h45min, obtendo o acréscimo de mais 15 minutos de duração. 

Esta mudança de horários não está se aplicando apenas ao Rio Grande do Sul, a Rede Paranaense de Comunicação (RPC) também aderiu ao novo horário no Meio-Dia Paraná, tendo como justificativa, a audiência baixa do programa Encontro com Fátima Bernardes da TV Globo.

Esta baixa de audiência do Encontro também se verifica na Grande Porto Alegre, onde é comum a emissora liderar com pouca diferença em relação ao SBT e Record ao longo do programa, sendo até ultrapassada em alguns momentos e se recuperando nos minutos que antecedem o Jornal do Almoço, que mantém distância segura em relação à concorrência.

SulBRTV tentou apurar junto à emissora os motivos da mudança de horário no Jornal do Almoço, mas ainda não obteve resposta.

terça-feira, 2 de abril de 2019

Após ameaças contra ex-noiva, RIC demite Denian Couto

A direção do Grupo RIC, decidiu nessa segunda-feira (1) a demissão em definitivo do apresentador Denian Couto (foto), devido a uma gravação em que pode se ouvir o apresentador ameaçando de morte a ex-noiva, Giuli Kuiava, que é produtora da mesma empresa. Denian trabalhava como apresentador na empresa em Curitiba, onde a RIC mantém afiliação com a Record TV e no segmento de rádio, com a Jovem Pan FM. 

O site The Intercept Brasil, divulgou em reportagem sobre o caso elaborada pela jornalista Amanda Audi, a gravação onde encontra as ameaças geradas por Couto, tendo as mesmas repercutido em todo o Brasil. Em nota, o ex-apresentador da RIC, alegou que as gravações eram “falsas”, e que a questão se encontrava na justiça, onde seus advogados conseguiram “guarida para todos os seus pedidos”. Mas, de acordo com o portal Comunique-se, onde se tem informações deste caso, não houve sequer discussão sobre o assunto no Judiciário. 

Em consequências do caso, houve na manhã desta segunda-feira, antes do anúncio oficial da demissão de Couto, um protesto organizado pelo Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná, em frente ao Grupo RIC, na capital paranaense. A situação causou constrangimentos à emissora, que decidiu pôr “fim ao caso”, fazendo o desligamento do jornalista. 

Sobre um substituto para Denian Couto, a emissora afirmou no dia de hoje ao portal Comunique-se que ainda está à procura de alguém para suprir o espaço deixado pelo jornalista, e que o perfil desejado, é de alguém que faça intermediação entre a TV e o rádio, trabalhando para o grupo.

Foto: Portal RIC Mais / Divulgação.

terça-feira, 26 de março de 2019

Morre o narrador esportivo Rafael Henzel

Faleceu na noite desta terça-feira (26), o jornalista e narrador esportivo Rafael Henzel. Segundo a Rádio Gaúcha e o jornalista Mateus Montemezzo, da Rádio Oeste Capital, de Chapecó, ele estava participando de uma partida de futebol com amigos, quando no meio do jogo sofreu um infarto e morreu.

Atual narrador pela Rádio Oeste Capital, Henzel trabalhou nas principais emissoras de televisão do estado de Santa Catarina, como a extinta RCE TV, a RIC TV Record, na época que a emissora detinha os direitos de transmissão do Campeonato Catarinense de Futebol, e, por último, na RBS/NSC TV, onde fazia participações especiais comentando sobre os jogos da Chapecoense  na Taça Libertadores da América em 2017.

Ele foi o único jornalista sobrevivente da tragédia com o Voo La Mia 2933, que levava jogadores da Chapecoense para Colômbia, na disputa final da Copa Sul-Americana, em novembro de 2016. 

Foto: Divulgação

domingo, 10 de março de 2019

NSC TV Criciúma com nova coordenação de jornalismo

A NSC TV Criciúma conta com uma nova coordenação de jornalismo. A jornalista Denise de Medeiros, que apresenta a edição local do "Jornal do Almoço", assume oficialmente a função a partir desta segunda-feira (11). 

O cargo na emissora afiliada da TV Globo no sul catarinense estava em aberto desde o início de dezembro, quando o então coordenador e apresentador local do "JA", Ricardo Dias, recebeu o convite do então governador eleito Carlos Moisés para assumir a secretaria de comunicação de do governo de Santa Catarina.

Foto: Reprodução NSC TV Criciúma.