quinta-feira, 25 de outubro de 2018

Eleições: Último debate na TV vira entrevista em SC

O último debate entre os candidatos ao governo de Santa Catarina, previsto para acontecer logo mais às 22h na NSC TV, não será realizado. Um dos postulantes, o Comandante Moisés (PSL), está com infecção aguda das vias aéreas superiores, segundo sua assessoria. Com isso, de acordo com as regras do debate, será realizada uma entrevista com o outro candidato, Gelson Merísio (PSD), com 20 minutos de duração. 

A assessoria do candidato confirmou agora há pouco a ausência ao Grupo NSC. Pela tarde, o PSL já havia sinalizado sobre a possibilidade de ausência de Moisés. Veja a nota: 

"A assessoria do candidato ao Governo de Santa Catarina pelo Partido Social Liberal (PSL), Comandante Moisés 17, vem através desta, informar que o mesmo apresentou uma piora no quadro clínico, sendo atendido em domicílio por equipe médica, no final da manhã desta quinta-feira (25), que diagnosticou infecção aguda das vias aéreas superiores – CID 10 – J06. É importar salientar que, em virtude deste mesmo problema, na última quarta-feira (24), a agenda do postulante ao Governo do PSL, Comandante Moisés, já havia sido suspensa pelo candidato. Desta forma, a assessoria pontua que, o candidato de Bolsonaro em Santa Catarina passará por uma nova avaliação, às 19 horas, para saber se terá alta médica, bem como condições físicas, para participar das agendas dos três últimos dias de campanha, neste segundo turno. Gratos pela compreensão, aguardamos a evolução do quadro clínico do nosso Comandante contando com a torcida para sua breve recuperação." 

Com o debate transformado em entrevista, a NSC TV vai seguir com a programação nacional da TV Globo logo em seguida. Após a entrevista, será exibido "Os Melhores Anos das Nossas Vidas" e, na sequência, a sessão "Cinema Especial" em versão reduzida. O debate no Rio Grande do Sul está confirmado. No Paraná não há debate, pois a eleição foi definida no primeiro turno.

Um comentário:

Unknown disse...

Ou seja: no mínimo três debates de hoje já viraram "entrevistões" com quem vai (esse de SC e mais os de Minas e DF, nestes casos porque os líderes nas pesquisas não quiseram ir). O curioso é que - a não ser que haja outro e eu não saiba -, o único estado onde deveremos ter tido dois debates no mesmo dia de hoje é aqui o RS, já que antes desse de logo menos na RBS houve hoje pela manhã um outro entre o Leite e o Sartori na Rádio Bandeirantes, no espaço do "Jornal da Bandeirantes Gente", das 8h às 9h30.